Irmão de ex-lateral da Seleção e do Vitória é morto durante assalto

Arquivo Pessoal

Irmão do ex-lateral direito Baiano, com passagens por Santos, Palmeiras, Vitória e Seleção Brasileira Baiano, Cosme Almeida Lima, de 43 anos, conhecido como ‘Dão’, morreu após ser espancado durante um assalto no Centro de Santos, no litoral de São Paulo. Segundo informações da Polícia Militar, o crime aconteceu na madrugada de terça-feira (25), durante a noite de natal. Os dois assassinos, que levaram a carteira dele, ainda não identificados. As informações são do G1.
Durante o roubo, a dupla agrediu Dão no rosto e no peito. Quando a viatura da 3ª CIA da PM chegou ao local, por volta da 1h, o vendedor estava com o nariz sangrando e já dentro de uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele foi levado para UPA Central onde recebeu atendimento e foi liberado.
Mesmo após ser medicado, Cosme Almeida disse aos familiares que continuava com mal estar e foi novamente levado à unidade. A vítima acabou morrendo por volta das 20h10 de terça-feira e foi sepultado no início da noite de quarta-feira (26). O caso foi registrado na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos como latrocínio – roubo seguido de morte. De acordo com familiares, Dão morreu por insuficiência respiratória, hemorragia e trauma pulmonar.
O lateral-direito Baiano, irmão da vítima, despontou no futebol profissional na década de 1990 no Santos Futebol Clube. Ele também atuou pela Seleção Brasileira, Palmeiras e Boca Juniors, da Argentina. O ex-jogador encerrou a carreira neste ano depois de disputar o campeonato Brasiliense pelo Real FC. Ele acumula passagem pelo Esporte Clube Vitória no ano de 1999, atuando e 25 jogos pelo Brasileirão e marcando 6 gols.

Felipe Costa: FutebolBahiano.org

Enviar um comentário

0 Comentários